Malta e seus sete mil anos de história

Vista aérea do templo megalítico Mnajdra, contruído entre 3600 e 3200 AC em Malta. (Foto: Pasquale Sorrentino/AGE)

Como contei em outro post, esse foi um dos motivos que me fez escolher Malta. Você consegue imaginar que os primeiros habitantes chegaram em Malta ainda no período Pré-histórico, mais de 5 mil anos antes de Cristo? Malta tem história pra contar, hein?!

E o que aconteceu de lá pra cá? Bom, como tem história pra caramba, decidi começar montando uma linha do tempo e aos poucos conto com mais detalhes pra vocês.

5.000 AC Fase Ghar Dalam, surgiram os primeiros humanos em Malta. 

3.600 AC  Os primeiros templos Megalíticos foram construídos.

2.400 AC – Introdução da cultura da Era de Bronze.

700 AC – Os primeiros contatos dos Fenícios com a ilha.

218 AC – Os romanos assumem o controle de Malta, depois de um ataque durante a Segunda Guerra Púnica.

535 DC – Os bizantinos passam a controlar Malta.

870 – Os árabes dominam o país.

1091 – O Conde Roger da Normândia invade Malta.

1266 – Período Angevino.

1282 – Malta torna-se parte do Reino de Aragon.

1530 – A ilha é considerada feudo da Ordem de São João.

1565 – O  Grande Cerco, contra o ataque dos Otomanos.

1798 – O grão-mestre Hompesch assinou a rendição para a Ordem de Napoleão Bonaparte.

1800 A França rendeu-se e os britânicos assumiram o controle admistrativo de Malta.

1814 – O Tratado de Paris confirma a posse britânica da ilha.

1921 – O primeiro auto Governo.

1940 Aviōes italianos fazem ataque aéreo após Itália declarar guerra ao Reino Unido e aliados.

1964 – Malta ganha indepedência da Inglaterra e faz parte da comunidade britânica.

1974 – Malta é declarada como República pelo parlamento.

1979 – A última base militar estrangeira é fechada.

2004 – Malta torna-se membro da União Européia.