“Os refugiados da Líbia estão indo para Malta”

[slideshow]

Um belo dia acordo com meu irmão me ligando e dizendo esta frase: “Os refugiados da Líbia estão indo para Malta”.  Detalhe: faltava menos de um mês para a minha viagem. =/ Difícil descrever o meu sentimento naquele momento. Foi um misto de medo e desespero. Passou um filme de terror e de guerra na minha cabeça. Em segundos consegui me imaginar no meio de um lugar devastado, sendo bombardeado, passando fome, sede… (drama queen hehehe)

De qualquer maneira, só conseguia pensar que meu sonho tinha sido destruído. Enquanto os líbios sonhavam em deburrar seu líder, quem havia sido derrubada tinha sido eu. Depois do choque inicial, chorei compulsivamente e aos poucos fui voltando a realidade e percebi que só me restava uma alternativa: pesquisar sobre o assunto.
Foi então que descobri que Malta havia entrado para as pautas de todos os jornais brasileiros. E não era por causa das lindas paisagens que eu queria conhecer. A primeira notícia que li foi esta:

Pilotos da Líbia desviam seus caças e pedem asilo em Malta

Você pode imaginar o meu desespero ao ler isso? Eles acolheram os caras que desrespeitaram uma ordem do ditador. =/  Confesso que eu não tinha a menor ideia do que isso poderia significar num futuro próximo, mas não conseguia pensar em nada pacífico. Depois disso, vieram muitas outras, falando sobre aviões e helicópteros militares que chegavam por lá. Navios com refugiados que estavam a caminho. Brasileiros e muitos outros estrangeiros que viviam na Líbia e estava sendo resgatados e levados para Malta. Após ler muito, percebi que a resposta que eu queria, eu não iria encontrar. O que aconteceria com Malta se Kadhafi fosse derrubado e se não fosse? O que aconteceria com Malta se fosse tomada por refugiados?

E quanto mais notícias eu lia sobre o assunto, mais preocupada eu ficava e mais eu me perguntava deveria cancelar tudo? Transferir o curso para a Inglaterra? Pra você ter uma ideia, tudo isso aconteceu por volta do dia 21/02, a minha passagem estava marcada para dia 12/03. O que você faria?
Eu entrei em contato com o Consulado de Malta, falei com a moça da escola com quem fechei o curso, com brasileiros que já estavam por lá e conheci pelo orkut, até cartomante eu consultei. hahahaha E todos diziam a mesma coisa. Que estava tudo tranquilo e que não haveria problema algum para Malta. Uma amigona minha, a Ju, até consultou uma jornalista amiga dela que estava trabalhando no caso da Líbia. Não sei nem como agradecê-la, isso me ajudou e tranquilizou tanto. Tudo o que ela disse foi que apesar da situação estar tensa, eu não deveria me preocupar, pois os refugiados que estavam indo para lá não eram bandidos, perigosos. Eram cidadãos que queriam condições de vida melhores, a libertação de um regime ditatorial de mais de 40 anos e que iriam utilizar Malta apenas como ponte para ir para outros países da Europa, devido à sua posição estratégica. (saiba mais sobre a guerra da Líbia aqui)
Depois de muitas preocupações, medos e indecisão, me acalmei e decidi encarar: Bora pra Malta! =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *