Valletta é nomeada a Capital Européia da Cultura 2018

 

Especial sobre valletta malta

 

Malta está em festa! Quem segue a Fan Page do blog deve ter visto a novidade que postei por lá na sexta. Valletta foi nomeada Capital Européia da Cultura 2018. O que deixou os malteses ainda mais orgulhosos, foi o fato de Valletta ter sido escolhida por unanimidade do júri. A escolha, que acontece desde 1985, é feita por uma comissão de ministros da União Europeia e tem por objetivo a divulgação e promoção do desenvolvimento cultural das cidades europeias. A nomeação oficial de Valletta acontecerá em maio de 2013.

E aí bora se preparar para visitar Malta em 2018? Então, fique ligado que em breve aqui no blog você acompanha um especial sobre essa mágica cidade. Mas se você é como eu, mega ansioso e super curioso, aí vão dois links bem bacanas pra conhecer mais sobre o projeto Valletta 2018 e um guia sobre essa cidade mágica, chamada Valletta.

http://www.valletta2018.org/

http://ivalletta.com/

48 anos da Independência de Malta

Depois de alguns anos de negociações, o movimento de independência ganhou força e no dia 21 de setembro de 1964, um referendo mudou o rumo da história de Malta. Com aprovação de 54.5% dos eleitores, Malta deu seu grito de independência e tornou-se uma monarquia constitucional. (O posto de República só foi conquistado 10 anos depois)

Procurando alguma foto bacana para postar por aqui sobre o tema, descobri essas fotos que mostram o making of da produção do monumento ao Jum l-Indipendenza (Dia da Independência em maltês). O monumento feito de bronze e mármore foi criado pelo artista Ganni Bonnici e desde 1989 está na entrada Il-Mall de Floriana. Mas o que ele significa?

Foto: DOI
Foto: DOI
Foto: DOI

A estátua da Independência é um marco na carreira do artista que assina uma porção de monumentos da ilha. Segundo Bonnici, o monumento de 8,5 m mescla o abstrato e figurativo. A figura feminina simboliza Malta, as faixas abaixo de seus pés são as algemas do passado, das quais ela se soltou para dar um passo rumo ao desconhecido. E em uma de suas mãos, ela ergue firmemente a bandeira nacional.

Todos os direitos reservados a anspics

;

Foto do dia: Love locks eternizando histórias de amor em Malta

love locks Malta

E o clima de amor continua no ar aqui no blog. Já em Malta, ele está sempre assim, no ar, no mar, a cada esquina e charmosa ruela daquele país. E agora até na na ponte Tigné Point em Sliema. Aliás, estava mais do que na hora de Malta ter a sua ponte com os famosos “cadeados do amor”.  Famosos, pois para que não sabe essa é a nova febre dos pontos turísticos românticos do mundo. E Malta não podia ficar de fora, né?! A foto tirada pela fotógrafa brasileira Danielle Cassar, que vive em Malta, mostra alguns cadeados que já foram pendurados . E pelo o que Cassar notou, o cadeado mais antigo é de novembro de 2011.

Ninguém sabe ao certo onde e como começou esse novo ritual dos apaixonados, mas tudo leva a crer que o responsável por tudo isso é o escritor italiano Federico Moccia. No livro “Sou Louco por você”, que depois virou o filme “Ho Voglia di Te”, o casal Step e Gin sela o amor na Ponte Mílvia, escreve seus nomes num cadeado e prende-o num charmoso poste de luz que tem naquela ponte construída em 206 a.C. Em seguida, o casal se beija e Step joga a chave nas águas do Rio Tibre, para assegurar que este amor ficasse “trancado”para sempre.

Se não foi com esta história que tudo começou, tenho certeza que foi por causa dela que se propagou e ganhou força. E com isso em dezembro de 2011, o governo romano  pediu a retirada dos cadeados que foram colocados lá e proibiu que os casais continuem com o tal ritual, alegando que o peso do metal poderia prejudicar a estrutura da ponte. Uma pena. Só espero que os pombinhos respeitem essa decisão e procurem outras pontes para fazer suas juras de amor. <3

Foto do dia: A baía do Amor em Malta

love statue Malta

E para iniciar essa semana romântica, eu não podia deixar de trazer essa escultura que embeleza ainda mais a Spinola Bay em St Julians. A escultura é assinada pelo artista Richard England e foi premiada pela Academia Internacional de Arquitetura. A palavra LOVE escrita de ponta cabeça não foi apenas para torná-la original, o artista optou por invertê-la para que fosse lida no reflexo das águas calmas da baía. Muito amor pra vocês! <;3 =)

Foto do dia: O monumento ao episódio Sette Giugno

sete de junho monumento Malta

Conhecido como o Sette Giugno, este feriado maltês relembra o trágico acontecimento do dia em 7/06/1919. Depois da Primeira Guerra Mundial, o país que na época estava sob o domínio britânico enfrentou alguns problemas econômicos. Os malteses reclamavam que o custo de vida e o desemprego aumentaram substancialmente. A insatisfação dos malteses fez com que se unissem para reivindicar seus direitos. Aconteceram alguns protestos contra o governo britânico, mas os piores aconteceram no dia 07/06/1919 e resultaram na morte de quatro pessoas: Ġużeppi Bajjada, Manwel Attard, Wenzu Dyer and Karmenu Abela. Mas foi apenas em 1921, que os mártires tiveram seus desejos atendidos e Malta teve seu primeiro Governo Autônomo.  Em memória desses bravos malteses, este monumento da foto foi construído na praça St. George, onde essa foto foi tirada. Entretanto, atualmente, o monumento está no Hasting Gardens em Valletta. Aliás, esta é uma belíssima foto feita pelo jornalista cultural húngaro George Rumpler.